Seja bem vindo!

Portal do Cliente

Para Facilitar sua vida e evitar transtornos nós disponibilizamos a opção de Geração de segunda via de suas contas. Clique no Botão abaixo e Confira!
GERAR SEGUNDA VIA FATURA

Saae e Prefeitura assinam ordem de serviço para as duas maiores obras da história de Vilhena

Obras de saneamento avaliadas em quase R$ 100 milhões de reais devem iniciar nos próximos meses

Em dia histórico, as ordens de serviço da primeira etapa das obras de esgotamento sanitário e ampliação da rede de água do município foram emitidas nesta segunda-feira, 20, pela Prefeitura de Vilhena e pelo Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto). Juntas, as duas compõem o maior conjunto de obras já licitado em Vilhena, avaliado em R$ 96 milhões, oriundos de recursos federais. Com prazo de início fixado em 30 dias, as obras já estão autorizadas pela Caixa e pelo Ministério do Desenvolvimento. Importantíssimo para a Saúde coletiva e para o abastecimento adequado da cidade, o início das obras é a quinta e última fase de um longo projeto que já está em andamento há quase cinco anos pela autarquia.

Em cerimônia reduzida devido às normas de prevenção contra o novo coronavírus, o prefeito Eduardo Japonês, o diretor do Saae, Maciel Wobeto, e a diretora do Departamento de Planejamento e Projetos do Saae Sueli Magalhães, assinaram as ordens de serviço junto de servidores que esperavam por este dia há quase uma década.

“Com esses investimentos, o Município irá oferecer rede de esgoto para 40% da população. A região Norte tem apenas 8,6% e o Estado apenas 4,5%. É um projeto importantíssimo para proteger nossa população de doenças infecciosas e também nosso lençol freático de possível contaminação por fossas, que com o tempo serão desativadas. Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro, e a todo o Governo Federal, em especial ao ministro de Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, por acreditar que temos condições de executar essas obras e por autorizar a liberação do recurso, mesmo neste momento de pandemia. Vilhena está caminhando para seu futuro, destravando obras em parceria com a União e vendo sonhos que muitos já haviam esquecido se tornar realidade. Agora vai!”, informou Eduardo.

Maciel lembrou as diversas viagens, reuniões, solicitações e encontros que o Saae e a Prefeitura realizaram em Brasília para a realização da obra. O diretor agradeceu também ao empenho da equipe da autarquia, desde os que elaboraram os projetos e acompanharam a tramitação em Brasília na análise da Caixa Econômica Federal, até aqueles envolvidos no atendimento ou nos setores administrativo, entrega de faturas, vigilância, limpeza e execução de serviços.

“Recebemos a notícia com festa e muita alegria, pois muitas vezes algumas pessoas duvidavam que esses projetos iam sair do papel, mas hoje todos têm a certeza que a nossa dedicação valeu a pena. Agradeço a todos os funcionários do Saae, às secretarias municipais que nos apoiaram durante todo o processo no projeto e á população por acreditarem que esse sonho hoje se torna realidade”, disse o diretor.

Wobeto explica que “ao contrário do que muitos pensam, este não é o início do projeto, mas sim sua última fase. Em execução há mais de oito anos, o projeto é composto por 5 fases, que incluem: (1) elaboração do projeto executivo, (2) aquisição de terreno, (3) execução do Projeto Técnico Socioambiental, (4) fiscalização de obras e, por último, (5) a construção. Agora estamos entrando na fase 5, que é a obra, de fato, dividida em outras etapas, das quais estamos entrando na primeira”, revela.

Sueli explica que Vilhena é a segunda cidade do Brasil que mais recebeu recursos para saneamento no Brasil neste ano, sendo também a única de Rondônia a ser contemplada neste setor.

“Vamos elevar a qualidade de vida das pessoas, aumentar a constância e alcance da oferta de água, reduzir perdas, implantar reservatórios para segurança hídrica do município e dar eficiência energética. Vale ressaltar também que as licitações foram feitas com absoluta transparência e responsabilidade. Inclusive, transmitimos elas ao vivo pela internet, sendo esta gestão pioneira nessa iniciativa que inclui de todos na fiscalização dos atos públicos”, explicou a diretora.

Na cerimônia também esteve presente o vereador e vice-presidente da Câmara de Vereadores de Vilhena, França Silva. “O Legislativo municipal aprova e acompanha as ações da Prefeitura em prol da população, desde as pequenas realizações até estas, que têm importância gigantesca. É um grande avanço para Vilhena e para o poder público em mostrar que com eficiência, transparência e trabalho técnico as coisas acontecem para o bem do município”, garante o edil.

ETAPAS DA OBRA – O consórcio APJ-CIMA venceu as licitações e irá executar as obras de implantação do sistema de esgotamento sanitário bem como a ampliação e readequação do sistema de abastecimento de água. O consórcio é composto por duas empresas paranaenses, de Cascavel e Ponta Grossa.

Dentro do projeto da rede de água, a APJ-CIMA fará, nesta primeira etapa, a construção de dois grandes reservatórios, um no Setor Pioneiro e outro no Setor 20, que juntos terão capacidade de 3,5 milhões de litros.

Já no projeto de esgotamento, também em sua primeira etapa, acontece a construção de quatro Estações Elevatórias (EE) e uma Estação de Tratamento de Esgotos (ETE), onde os efluentes domésticos serão tratados para se tornar água límpida, com capacidade de ser devolvida à natureza.

Deixe uma resposta

COMUNICADO

× Contate-nos